Alckmin e Bolsonaro trocam acusações, abrindo o primeiro round da campanha

Alckmin comparou Bolsonaro ao PT, mas poupou Ciro

Silvia Amorim
O Globo

O pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, comparou nesta quarta-feira seu principal adversário eleitoral no momento, o deputado Jair Bolsonaro (PSL), ao PT e disse que ambos são “a mesma coisa, uma coisa atrasada”. A declaração foi feita em sabatina realizada pelo portal UOL, o SBT e o jornal Folha de S.Paulo na capital paulista. A outro oponente, Ciro Gomes (PDT), o tucano fez elogios. Entre Bolsonaro e Ciro, a campanha tucana tem preferência por enfrentar o pedetista num eventual segundo turno.

“O Bolsonaro e o PT são a mesma coisa. É corporativismo puro. Não tem interesse coletivo, é defesa de corporação” — disse Alckmin, quando provocado a comentar a superioridade de Bolsonaro nas pesquisas em São Paulo. “Ele voltou igual ao PT em todas as pautas econômicas”, disse, lembrando Bolsonaro ter votado no Congresso, nos anos 1990, contra medidas de implantação do Plano Real.

REAÇÃO – A resposta de Bolsonaro não demorou, e veio no terreno onde ele se sente mais à vontade, as redes sociais. Em seu perfil no Twitter, o pré-candidato do PSL disparou acusações contra o partido de Alckmin.

Bolsonaro se referia às denúncias de compra de votos no Câmara dos Deputados para aprovação da emenda constitucional que passou a permitir a reeleição, em 1997.

Com sua capacidade de crescer rapidamente nas pesquisas sob desconfiança até de alguns aliados, Alckmin vem abandonando nos últimos dias a postura de “jogar parado”. Ele não demorou a rebater Bolsonaro, também pelo Twitter: “Bolsonaro se irritou quando revelei que vota com o PT em pautas econômicas há décadas, inclusive contra o Plano Real. Em resposta, fugiu do assunto. Fez acusações irresponsáveis ao meu partido, de forma grosseira”.

REVIRAVOLTA – Ainda na sabatina, Alckmin reafirmou a confiança em uma reviravolta eleitoral quando a campanha começar em agosto. Hoje ele ocupa a quinta colocação entre os presidenciáveis. Nesse contexto, ele voltou a falar do adversário prioritário.

“Vamos crescer e crescer forte. Não tenha a menor dúvida. Essa coisa do Bolsonaro… Quem anda para trás é caranguejo. O Brasil não vai regredir. O sofrimento foi muito grande com esse período populista” – frisou.

Mesmo sem declarar preferência por quem enfrentar num eventual segundo turno, Alckmin demonstrou na entrevista simpatia por uma disputa com Ciro. Ele elogiou as gestões do pré-candidato como prefeito de Fortaleza e governador do Ceará e disse que o pedetista tem “espírito público”.

DISCORDÂNCIAS— “O Ciro foi do PSDB, um bom prefeito de Fortaleza, governador do Ceará e ministro pelo PSDB. Depois ele acabou trilhando outro rumo”. disse. “Tenho discordâncias conceituais com o Ciro, mas acho que ele tem espírito público. Não é um corporativista”.

A campanha de Alckmin acredita que, na reta final da eleição presidencial, Ciro e ele serão as alternativas mais viáveis na eventual ausência de um candidato do PT.

O tucano voltou a dizer nesta quarta-feira que o lançamento do ex-ministro Henrique Meirelles como presidenciável pelo MDB esfria as conversas sobre uma aliança no primeiro turno com o PSDB. Alckmin se recusou a dar uma nota ao governo do presidente Michel Temer na sabatina, mas disse que o peemedebista é um tipo de “intruso” na Presidência. “A legitimidade das urnas é muito forte. Evidente que faltou (legitimidade a Temer). Eu fui governador sem voto e com voto. E olha que não teve impeachment. É diferente. Quando você não tem voto, você é meio intruso”, disse.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Entre tapas e beijos, a disputa presidencial começou. Daqui para frente, o clima é de vale tudo e Bolsonaro será o principal alvo, por estar nas frentes das pesquisas. (C.N.)  

46 thoughts on “Alckmin e Bolsonaro trocam acusações, abrindo o primeiro round da campanha

  1. Bolsonaro é tão insignificante, que nem para participar da corrupção foi convidado; nunca foi prefeito, governador; portanto nunca teve a chance de roubar; lula também nunca tinha sido prefeito, governador, antes de ser presidente; quando foi, foi o que se viu.

  2. Duas quadrilhas:

    “A luta (entre o PT e o PSDB) é política e não ideológica.” Fernando Henrique Cardoso

  3. O Ex governador de SP tem razao: o lógico é que o vazio candidato ultra ignorante vá se despedaçando pelo caminho, porque a gravidade da situação do país cobrará conteúdo, capacidade, brilhantismo, competência e preparo administrativo, requisitos que o ” especialista em matar ” , claramente não possui.
    Aliás, os comentaristas políticos ( após mais uma TENTATIVA de entrevista, na Jovem Pan , com o ” especialista em matar ” ), estão profundamente chocados: não há nada ali, nada, ele não responde nada porque não sabe nada!
    Conclusão: quem escolhe o vazio, esvaziado sempre foi.

    Não há a menor dúvida: Ciro 2018! O ÚNICO preparado!

    • 1) Prezado Cazé,

      2) Respeito muito o candidato Ciro, mas não é o “único”…

      3) Álvaro Dias, do Podemos, também tem muita experiência e preparo…

      4) no primeiro turno voto em “Álvaro por melhores Dias”.

      • Prezado Rocha,

        Entendo sua visão, e a respeito: num país mental e espiritualmente saudável, em termos de candidatos à direita, Álvaro deveria estar à frente do ultra ignorante, nas pesquisas. Mas comparado ao Ciro, não dá: o ex ministro da Fazenda estabilizou a economia do país e tem, de longe, mais serviços prestados à Nação.
        Mas a mim me parece ser muito digno um segundo turno entre os dois. Seria uma porta trancada ao autoritarismo, à ignorância, ao analfabetismo, ao obscurantismo, ao preconceito, enfim, caminharíamos para o século 21, sem dar a menor chance de regresso à idade Média.

      • O apoio que o Álvaro Dias prestou ao Romário,que está sendo investigado por ocultação de patrimônio,compromete totalmente a campanha dele.
        Já estamos cansados de corruptos e de quem apoia corruptos.
        Essa,também,é a minha restrição ao Ciro:o apoio ao “nove dedos” e,agora,a promessa de indulto ao meliante.
        Ainda prefiro a Marina ou voto nulo,com mais chances para este último.

  4. Asnalistas desinformados, não enxergam os fatos e pior não entendem o que veem.
    A primeira vaga já é fato tem dono e é JMB.
    A briga agora é pelo segundo lugar, mas como já está acontecendo todos vão jogar pedra no JMB, e vai ser o Davi contra os golias, pt,psdb,pmdb e os canhotos em geral.
    Podem chama-lo de tudo, que a resposta vai ser encontrada no passado dos acusadores, vai ser de lavada, a continuar a tática vai no 1ºturno mesmo.

  5. “A campanha de Alckmin acredita que, na reta final da eleição presidencial, Ciro e ele serão as alternativas mais viáveis na eventual ausência de um candidato do PT.”

    Alckmin defendeu a dilata e Lula, Ciro droguinha também. E os dois se colocam como alternativa ao Lula, que nível de podridão de sarcasmos esses candidatos realizam.

      • O xuxu e o corone tão esquecendo que tem varios candidatos querendo a segunda vaga e eles que tem mais visibilidade é que serão apedrejados pelos demais pois só existe uma vaga.
        e o partido Novo o Flavio rocha vão jogar tudo pra cima deles.

  6. A claridade dos fatos é espantosa, de que o povo tá cansado, dos governos corruptos e incompetentes.
    quem são os corruptos e incompetentes que mandaram e desmandaram ? pt psdb pmdb e canhotos em geral.
    A narrativa não vai virar realidade só porque querem vão ter de combinar com o ze povinho.

    • Crise esta da qual o Ciro participou ativamente fazendo parte da equipe que a gerou e que defende seus autores com vigor inocentando-os, inclusive com ameaças a ordem e às leis.
      Seu pseudônimo: Ciro Maduro Gomes.
      Só não enxerga quem não quer ver.

  7. Alckmin pra CADEIA !
    Bozónaldo, leva pro caldeirão da ALDEIA!

    Agora, ao que interessa:

    O movimento grevista da União Nacional dos Transportadores Rodoviários e Autônomos de Carga detalham suas exigências:

    Pauta política:
    1) Cumprimento integral da lei do voto impresso em urnas eletrônicas ou adoção do voto impresso em urnas de lona, com apuração a cargo das Forças Armadas. Em caso de descumprimento, nos somaremos ao clamor popular por intervenção militar.

    Sou suspeito pra falar de tão longe que estou do Brasil mas, honestamente, se vão firmar nesse ponto e de aplaudir que finalmente algo drástico tenha sido feito para exigir que um governo medíocre e corrupto obedeça a lei!

    Triste constatar a falta de civismo e união, quando vemos esses aproveitadores aumentando o preço da batata a R$8,00, e gasolina a R$8,99 ….
    A união faz a força, mas o Brasil está na mão de mercenários, escravagistas, bandoleiros, bandidos sem vergonha na cara….

    Calma, galera, matemos os vermes, depois as galinhas retornarão mais gordas as gôndolas….

    • -Sempre fomos governados por bandidos divididos em três quadrilhas, por isso somos O ÚNICO PAÍS de dimensão continental no mundo que não dispõe de transporte ferroviário.

      -Somos obrigado a comprar um carro, levar um carnê de impostos para casa e ainda ser extorquido com a gasolina mais cara do planeta porque não existe outra maneira de você sair para trabalhar.

      -E ainda temos que ouvir IDIOTAS como o tal Peter Furth, professor de engenharia civil e meio ambiente da Northeastern University de Boston, dizer, em passei por Brasilia, que precisamos deixar o carro em casa e que o governo deveria “cobrar taxas de congestionamento”, isto é, “os motoristas poderiam ser taxados pelo tempo em que ficam presos nos engarrafamentos.”

  8. -Uai, sô? Não entendo…
    -Como a situação atual pode ser “grave” se o candidato “vazio” NUNCA esteve no poder?
    -Não deveria ser ao contrário, pois como até hoje o país sempre esteve nas mãos de “especialistas”, a nossa atual situação não deveria ser igual a dos países desenvolvidos?

    -Será que esse medo do candidato “despreparado” é o temor que ele estrague o atual “mar de rosas” onde a população vive e que demorou tanto tempo para ser alcançado pelos atuais “felizardos”?

    -Mas eleição é assim mesmo: Quem achar que a situação do país está boa, que vote nos mesmos. Quem achar que a situação está ruim, que vote na oposição.
    E que vença o mais votado!

    Abraços.

      • Darcy,
        Deram aula de como desconstruir uma democracia, ensinaram ao paulo maluf como roubar, ministraram Pós-Graduação de ditador aos presidentes sul americanos.
        são sim especialistas, veja a dilma uma anta quer mais especialista em estupides do que ela, não vale falar do povo que votou nela pois são devotos.

  9. Prefiro analisar pelo lado do programa de

    governo, então, Alckmin, Alvaro Dias e Bolsonaro

    têm o mesmo programa do Termer, ou seja,

    continuar a entregar as nossas riquezas e

    empresas para Banqueiros e Multinacionais.

    E dar calote nos trabalhadores

    Quem quer isso vote nestes, quem não quer

    vota CIRO 2018.

  10. Já que bolsonaro não server , alquimim não serve , alvaro dias não serve ………….A dilmanta está com seus direitos preservados, vai que inventa de concorrer de novo ?

    Nada está ruim que não possa piorar !!

  11. O preço que chegou o óleo diesel, mais de 3,30 o litro, e a quilometragem que faz uma carreta, 2, 3 km/l, significa que a cada 10 km percorridos o caminhoneiro gasta 10 reais de combustível.
    Viagens de 1.000 km ida e volta, o frete sendo cobrado em torno de 1.000,00 reais, significa que o dono do caminhão não teve lucro algum, e teve mais despesas com pedágios e alimentação.
    Greve justa.
    Não pode o contribuinte arcar com os roubos contra a Petrobrás, imaginando a estatal que aumentar os combustíveis seria a solução para os desfalques.

    • Os custos estão altos sim, mas a conta não é tão simples não vale lembrar que essa carretinha carrega cerca de 30 toneladas de mercadoria.
      E enquanto tivermos monopólio de extração refino e venda de combustível pagaremos sim os roubos as incompetências e tudo mais de errado e pior o pobre coitado que não tem carro nem carreta é que vai arcar com o maior pedaço do bolo.

  12. Só mesmo um como Alckmin para elogiar um indivíduo como o coroné Ciro. É Lula, é Temer, é Narizinho, é Gato Angorá, é FHC, Dilma… A nossa política ultrapassou o fundo do poço.

  13. Caminhoneiros querem ‘voto impresso e combustível a preço de Bolívia’
    O Antagonista

    Em comunicado distribuído nas redes sociais, lideranças do movimento grevista da União Nacional dos Transportadores Rodoviários e Autônomos de Carga detalham suas exigências:

    Pautas políticas:

    1) Cumprimento integral da lei do voto impresso em urnas eletrônicas ou adoção do voto impresso em urnas de lona, com apuração a cargo das Forças Armadas. Em caso de descumprimento, nos somaremos ao clamor popular por intervenção militar.

    2) Assento nas mesas de negociações e em todos os órgãos envolvidos na criação das políticas que afetam o setor sem o intermédio de sindicatos (pois a paralisação não teve a adesão nem o apoio deles) ou da CNT- Confederação Nacional do Transporte, que não nos representam.

    Pautas setoriais:

    1) Abolição/substituição do texto atual do Marco Regulatório do Transporte Rodoviário de Cargas atualmente em tramitação conclusiva no Congresso;

    2) Redução do preço final dos combustíveis nos mesmos níveis dos praticados na Bolívia;

    3) Redução dos custos das taxas de registro, do adesivo obrigatório e da renovação na ANTT;

    4) Fim ou substituição do tipo de exame toxicológico obrigatório;

    5) Maior fiscalização da ANTT/Receita Estadual e Federal e ações enérgicas da ANTT ou da autoridade fazendária/fiscal em transportadoras inadimplentes com o Fisco;

    6) Valores de pedágios a preço razoável e proporcionais à distancia, além do fim da absurda cobrança do eixo suspenso em veículos vazios (sem carga);

    7) Maior segurança na atividade e direito a porte de arma para legítima defesa;

    8) Implantação obrigatória da tarifa mínima de frete do transportador autônomo de cargas;

    9) Aumento do limite de pontuação de motoristas portadores de CNH “EAR” (Exerce Atividade Remunerada) por conta do maior número de horas dirigindo em relação aos demais motoristas que não exercem a profissão;

    10) Revogação de resoluções, decretos e penalidades criadas por ocasião da Paralisação Nacional do Transporte de Novembro de 2015;

    11) Voto em trânsito para motoristas que possuem CNH “EAR” (Exerce Atividade Remunerada).

  14. Comparar o Ciro ao Maduro é meio aloprado.

    Nenhum candidato tem a carreira polític que o Ciro tem,

    Só citando os principais cargos que o Ciro ocupou em sua carreira: Prefeito, Governador e, duas vezes Ministros de Estado.

    Quanto a mudar de partido, não acho nenhum desdouro Acho Normal, pois faz parte da democracia(é que penso).

    Álvaro Dias me decepcionou em uma entrevista dada a um canal da Band que não recordo qual.

  15. Bolsonaro, você não se sustenta nesse discurso extremista… você acha que essa sua ideologia política recheada de medidas radicais é a salvação dos problemas do País? Você acha que entregar fuzil na mão do povo vai resolver a questão da segurança? Vc tá incentivando a violência. Você não tem nenhuma experiência, Bolsonaro! O próximo presidente do País se chama Alckmin!

  16. CN. Não entendo tanto destaque para bandidos do tipo Lula; dos sempre os mesmos Alkmin, Ciro e Temer e nem uma linha para a Marina. Será o medo do novo? Ou porque não tem grana para pagar a pena?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *