Fracasso da seleção brasileira evidenciou-se logo no primeiro tempo

Resultado de imagem para brasil 1 belgica 2

O Brasil dominou o segundo tempo, mas já era…

Pedro do Coutto

O fracasso da Seleção Brasileira aconteceu  no primeiro tempo do jogo de ontem. Os primeiros 45 minutos foram um verdadeiro desastre tanto na parte técnica quanto na parte tática. O resultado foi uma tragédia. No segundo tempo melhorou, mas não de forma capaz de compensar os dois gols da Bélgica na fase inicial. A seleção marcou a si mesma do meio campo para frente e sua defesa dava espaços à equipe adversária. No segundo tempo melhorou, mas não conseguimos finalizar os ataques, e eram necessários dois gols para empatar e levar o confronto para prorrogação. O escrete, ontem, foi irreconhecível em campo, levando-se em conta os jogos contra a Sérvia e contra o México.

A melhora veio com a entrada de Douglas Costa e, por isso, fica a pergunta por qual motivo ele não entrou logo no primeiro tempo. Tínhamos o exemplo de sua atuação contra o México, na qual levou a equipe ao ataque com lances criativos. Mas são coisas do esporte.

GOLEIRAÇO – Pela diferença de um gol se vence e por um gol também se perde. Tivemos oportunidades de empatar a partida, mas oportunidades sempre existem no futebol. O goleiro belga fez defesas importantes, porém tem de se considerar que ele estava lá para isso mesmo. 

Taticamente, a seleção brasileira não se encontrou em momento algum do jogo. O fato de ter melhorado no segundo tempo não quer dizer muita coisa: na realidade abrimos espaços em nossas linhas defensivas facilitando a entrada dos belgas e no setor ofensivo afunilamos as jogadas de ataque. A defesa da Bélgica concentrou-se no meio da área e não deu espaço para que penetrássemos. 

A troca de passes ficou muito difícil. A seleção, para enfrentar a concentração defensiva  deveria ter procurado mais os espaços nas pontas do campo. Não fez isso. Aliás não fez quase nada criativo na derrota que desabou sobre nós.

BOLA QUADRADA – No campo da criatividade poderíamos dominar a partida, porém a seleção de Tite terminou o jogo sem sequer atinar para esse aspecto. Jogou quadradamente, a exemplo de como jogam as seleções, por exemplo, da Inglaterra e da Suécia. Adeus à Copa de 2018. Temos que esperar pela de 2022. Coisas do futebol.

Nosso fracasso foi em decorrência mais de nossa própria atuação contraditória do que em consequência do desempenho da Bélgica. Não quero dizer com isso que estou afirmando algo capaz de reduzir o brilho do escrete belga. Pelo contrário. Ele demonstrou o empenho maior do que o nosso. Equilibramos no segundo tempo mas naufragamos nos primeiros 45 minutos. Essa É a história do jogo de ontem.

###
CANDIDATOS INVESTEM EM ANÚNCIOS NA INTERNET

A reportagem é de Isabel Fleck, edição de ontem da Folha de São Paulo. A matéria é muito importante, porque demonstra, conforme assinalei em artigo recente, que as inserções nas redes sociais não correspondem à posição dos pré-candidatos nas pesquisas do Datafolha e do Ibope. Isso é um fato.

Além disso, não consigo entender bem por que os stafes desses candidatos decidiram pagar por anúncios na mídia eletrônica quando bastaria apenas inundá-la com mensagens gratuitas. Se cada pessoa que possui um computador pode tornar-se um transmissor de matérias, por que equipes especializadas em comunicação decidem pagar por espaços que em princípio são livres para acesso em geral. Não estou questionando o valor do trabalho das equipes que produzem as mensagens. Elas têm que receber pela tarefa. Estou me referindo à aquisição dos espaços existentes nas redes sociais.

Essa matéria, espero comentá-la mais adiante, cotejando o volume de apelos nas telas e a posição dos candidatos nas escalas do Ibope e do Datafolha.

35 thoughts on “Fracasso da seleção brasileira evidenciou-se logo no primeiro tempo

  1. O Tite errou na escalação do time, claro, todos nós erramos.

    É preciso vê que o Tite quando pegou a Seleção nas eliminatórias, o Brasil ocupava a sexta colocação com grandes possibilidades de não participar da Copa.Ele arrumou time, o Brasil não perdeu mais,e, classificou-se em primeiro lugar.

    A CBF tem que manter o Tite como treinador da Seleção.Fazer um planejamento de base olhando os garotos do sub-17 do sub-20.

    A Copa América vem aí , próximo ano, e, vai ser aqui. É uma grande oportunidade de testar os jogadores que se destacarem nas categorias citadas acima, e mesclar o time com uns 4 ou 5 veteranos.

    Abraço..

  2. Formar um time, focando a responsabilidade de vencer e depositando todas expectativas sobre UM só jogador, isso pode acarretar muitos problemas de desagregação na aquipe:
    -Esse atleta privilegiado pode querer se sentir a unicidade do próprio grupo, e deixar os demais colegas com “complexo de patinhos feios”. Por outro lado, tal atribuição pode trazer ao paparicado vários transtornos de ordem psicológica, decorrentes da sobrecarga a si imposta”;
    -Ele, o craque, passa a ser caçado em campo, pelos adversários, mais do que as bruxas na Idade Média;
    -O bacana, julgando-se imprescindível, vai querer usurpar a autoridade do treinador e do comando inteiro;
    -Ele, o cara, porque foi eleito o sol do escrete, toda a manipulação dos patrocinadores incide mais fortemente sobre ele, constituindo-se em mais um poder paralelo ao da Comissão…….
    PS: Mas para você que alimenta pensamentos pessimistas, derrotistas, e acha que no Brasil só as desgraças prosperam. Dê uma levantada nesse semblante caído, nem tudo está perdido, irmão, acontecimentos auspiciosos estão à vista.
    Saiba que 8 de julho, dia da morte de um dos gurus da economia neoliberal, a Sacrissanta Igreja Universal, instituiu essa data como o DIA do POBRE. Durante as celebrações, nos templos sagrados, terá como ponto culminante, a Consagração dos Dizimistas. Tadinhos dos pobretões que não forem dizimados!

  3. Para os brasileiros, futebolisticamente, melancólicos, foi uma Sexta, uma Cesta de Lixo. Se a desilusão coletiva fosse na próxima sexta-feira 13, poderia haver suicídios em massa.
    Para os Flamenguistas, menos mau: lá na Bélgica há um povo chamado Flamengo. E ao time carioca viciado em conquistar taças de flandres (liga metálica ordinária) deve ser honroso saber que, na Bélgica, existe também um grupo étnico com o nome de Flandres.
    Enfim, tudo não passou de um NeyMarasmo!

    • Não, não. O Flamengo daqui do Brasil é pobre mesmo. Pensa que é rico, mas tem muitos dirigentes do clube envolvidos com a Odebrecht.

      O time do Flamengo é a cara hoje do Brasil.

      O Flamengo é o PT do futebol brasileiro.

  4. Não assisti os jogos totalmente. Pois, há muito tempo não acredito mais no nosso futebol. Futebol no qual a nossa imprensa cria craques a cada jogo. O pouco que assisti não me convenceu. Assim como na política nosso futebol é passado.

  5. Só vi uma pessoa escrevendo sobre a injustiça do resultado que foi Hélio Fernandes, cujo textoo postei ontem. Um parágrafo:
    “Foi um jogo atípico, singular, com muitas irregularidades. O Brasil
    perdeu o primeiro tempo por 2×0, vá lá, duas oportunidades bem
    aproveitadas. A mesma seleção brasileira ganhou o segundo tempo por
    1×0, dominou inteiramente o jogo, mas foi eliminada. Neymar sofreu 3
    penaltis claríssimos que o juiz nem imaginou que poderia marcar. Ele
    seguiu a recomendação do chefe da comissão de árbitros do video, que
    recomendou a todos os juizes: “prestem muita atenção nesse jogador
    Neymar, ou ele vai enganar vocês todos.”

    • O Brasil perdeu porque não teve capacidade. Faltou ao Brasil um bom capitão dentro do campo e este foi o maior pecado do Tite. Quiz manter o Neymar como capitão, mas ele não tem a menor capacidade para isto e, então, inventou o capitão rotativo. O capitão, nas adversidades é mais importante que o técnico, mas a dona NIke é quem manda na seleção.

      • O NeyCairMais transformado em novo craque pelos jornalistas esportivos e alguns torcedores, maior e melhor que alguns jogadores de outras epocas virou comédia no Planeta inteiro.

  6. Convencido e pernóstico, Tite, convoca mal, escala mal, mantém quem joga mal, não apresenta tática alguma seja ativa ou reativa, resultado:

    Derrota para uma seleção de segunda linha.

    Agora só falta chamar o Renato Gaúcho.

  7. Um governo perdulário, entreguista, corrupto, cbf corrupta, o que queriam, mesmo perdendo vão ganhar com a classificação, para o povo sobra, hospitais sem médico, segurança incompetente, tarifa de energia, gasolina, alimentos, tudo sobe a cada mês, o salário do trabalhador só tem reajuste a cada ano, como o salário de um trabalhador que sofre reajuste de ano a ano pode suportar tantos reajustes de tarifas, é a praga da copa, a anterior e esta, não merece infelizmente.

    • Pelo que escreveu deve ser um petralha frustado. Me diga qual partido está preocupado com a população ou com o progresso do País. Eles estão somente interessados em manter suas vantagens. Lembre-se do assalto dos petralha na Petrobras.

  8. Hoje muitos brasileiros amanheceram como OTite, DermaTite, ReTite, AnorTite, HepaTite e até Paixonite!
    Mas se o seu problema é falta de HEXA, não se preocupe, Dias Toffoli vai transformar Lula no primeiro Hexapresidente eleito no Brasil.

  9. ‘mais’,
    porquequi tão dizendo que o canário belga lascou o pistola?
    ora, ora,
    foram dois golos brasileiros: Fernandinho e Renato Augusto!
    BRASIL 2 a 1 !
    é górpi !!!

  10. Ontem tivemos o fim da copa para a seleção da CBF. Digo CBF porque há muito tempo deixou de ser seleção brasileira (com jogadores que disputam nosso campeonato nacional).
    Não vai demorar muito, esta seleção será convidada para disputar a Eurocopa (tamanha quantidade de jogadores “europeus” convocados).
    A derrota foi exclusivamente por culpa do técnico, pois insistiu em manter no time um “centro avante” que não fez gol (Gabriel Jesus). O Tite queimou o “menino”, pois ele será lembrado por ter participado da copa sem ter marcado um único gol (como centro avante).
    De positivo com a derrota, teremos a volta à normalidade no país, pois a partir de agora, poderemos usar normalmente os bancos, Detran, repartições públicas e demais setores que não FUNCIONARAM, por causa do jogo da seleção CBF.
    Podemos usar essa derrota na copa (trazendo para o “campo” da política), pois assim como o técnico Tite errou na escalação, nós também temos errado nas “escalações” dos deputados e senadores, onde esses não tem feito nenhum “gol” em prol da população (só tem marcado gol CONTRA).
    O exemplo da seleção deveria ser usado nas próximas eleições, pois poderíamos retirar os políticos que não performam em favor do cidadão. E não custa lembrar, que no próximo jogo (eleições), seremos os técnicos.
    Está explicado o porquê o STF está correndo para soltar presos envolvidos por corrupção. Em setembro Dias Tóffoli sairá da 2ª turma para ser presidente do stf (podem rir, mas não é piada). Em contrapartida, Carmen Lúcia o substituirá na 2ª turma (junto com Gilmar, Ricardo), ou seja, a turma do SOLTA TODOS, sabem que a Carmen Lúcia não compactua com as atitudes incoerentes de soltar BANDIDOS, conforme tem feito os atuais participantes desse grupo (2ª turma do stf).
    Desculpe-me escrever stf em minúsculo. Não entendam como desrespeito a uma instituição pública, mas alguns deles não merecem ter suas siglas expostas em letras maiúsculas, pois infelizmente alguns membros desta corte (stf), não tem biografia sequer para ser juiz de “pequenas causas”.

  11. o belga paulo césar caju ficou feliz há! há! há!,agora analisando friamente um time sem centroavante vai ganhar de quem? esse gabriel jesus é horrivel não acertou uma jogada parecia que a bola queimava nos seus pés,o treinador tite resolveu morrer abraçado com ele.a eliminação foi merecida.

  12. O Brasil caiu por vários fatores. Em ordem de importância: 1. Três pênaltis claros que não foram dados pela arbitragem, 2. Perda do Casemiro (Fernandinho é um jogador mediano que jamais poderia estar na seleção), 3. Esquema tático do Tite: técnico muito limitado, vai para uma decisão sem meio de campo, justamente o oposto do técnico belga. Até minha vó sabe que futebol se ganha no meio de campo. Além disso, manteve Gabriel Jesus em péssima fase (Se tive um Jô ali na frente a história, mesmo com a arbitragem roubando o Brasil, seria diferente).

    • Enquanto os brasileiros continuarem reivindicando pênaltis inexistentes, e enquanto esta for a resposta para a derrota, o Brasil vai continuar sem ganhar copas.

  13. Determinada ocasião li, numa revista pornô, uma entrevista com Paulo Cézar Caju, onde ele virava do avesso a intimidade que vivera na cama com a repórter global, Glória Maria. Haja baixaria!
    Outra vez, hospedado no hotel quatro rodas, em São Luís – MA, Paulo Maluco teria deixado um pacote de fezes na geladeira daquela hospedaria. O cara era complicadíssimo. Droga é uma arma do diabo!

  14. Sempre dizem que competições esportivas seriam momentos de confraternização, mas na prática o que prevalece é a agressividade.

  15. À guisa de consolação, o Temer e o quadrilhão do Planalto não tiveram chance de se apropriar de uma vitória da seleção, como FHC fez em 2002.

  16. Poesia tão atual do nosso poeta de Itabira, Mg: Carlos Drummond de Andrade 24.06.78

    Foi-se a Copa?
    )
    Foi-se a copa? Nâo faz mal.
    Adeus chutes e sistemas.
    A gente pode, afinal,
    cuidar de nossos problemas.
    Faltou inflação de pontos?
    Perdura a inflação de fato.
    Deixaremos de ser tontos
    se chutarmos no alvo exato.
    O povo, noutro torneio,
    Havendo tenacidade,
    Ganhará, rijo, e de cheio,
    a Copa da Liberdade.”
    _____________________________
    Carlos Drummond de Andrade.
    (Em “Poesia e prosa”. Nova Aguilar, Rio de Janeiro, 1992)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *