Paulo Maluf já derrotou o câncer, agora falta vencer a cassação de seu mandato

Resultado de imagem para Maluf recuperado

Recuperação rápida de Paulo Maluf é um “milagre” 

Andréia Sadi
G1 Brasília

A Mesa Diretora da Câmara dos Deputados marcou para o dia 7 de agosto a reunião que deve cassar o mandato do deputado federal Paulo Maluf (PP-SP), afastado do cargo por ordem da Câmara dos Deputados e preso por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

A informação foi confirmada nesta terça-feira (17) ao blog pelo corregedor da Câmara, deputado Evandro Gussi (PV-SP). Ele disse que o seu parecer sobre o tema está pronto e já foi entregue à Mesa Diretora. No entanto, ele não quis comentar o teor de seu parecer.

CASSAÇÃO – Fontes da Câmara afirmaram ao blog, reservadamente, que a tendência da Mesa Diretora é cassar o mandato de Maluf, como determinou o ministro Fachin do STF há mais de seis meses.

Maluf foi preso por determinação do ministro Edson Fachin em dezembro, condenado pelo crime de lavagem de dinheiro durante sua gestão como prefeito de São Paulo. Em abril, o ministro Dias Toffoli concedeu prisão domiciliar ao deputado.

A sentença de Fachin também determinou a perda do mandato de deputado, o que ainda não ocorreu porque os deputados alegam que estavam em dúvida se o caso havia transitado em julgado ou não.

PARECER – O STF já respondeu ao questionamento da Câmara. Com isso, o deputado Evandro Gussi finalizou o seu parecer e disse que Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Casa, marcou a reunião da Mesa para o dia 7 de agosto, na volta do recesso parlamentar.

Segundo o blog apurou, deputados da base aliada justificam a demora para cumprir a decisão do STF porque se dizem “constrangidos” com a ideia de cassar, pela Mesa Diretora, um colega. Mas afirmam que não descumprirão a decisão do STF.

O presidente do PP, senador Ciro Nogueira, já foi comunicado de que os deputados não vão mais “segurar” o mandato de Maluf, que é do partido.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Coitado do Maluf… Continua procurado no mundo inteiro pela Interpol, embora possa ser facilmente encontrado em sua mansão. Ao sair da prisão, estava enfermíssimo, com câncer disseminado (metástase) e um número enorme de doenças. De repente, o milagre, com uma recuperação fantástica, a ponto de agora fazer fisioterapia três vezes por semana, numa clínica de Medica Esportiva. A cassacão é mais um capítulo da perseguição que lhe movem, em situação semelhante à de Lula, outro injustiçado.
(C.N.)

 

6 thoughts on “Paulo Maluf já derrotou o câncer, agora falta vencer a cassação de seu mandato

  1. “Segundo o blog apurou, deputados da base aliada justificam a demora para cumprir a decisão do STF porque se dizem “constrangidos” com a ideia de cassar, pela Mesa Diretora, um colega. Mas afirmam que não descumprirão a decisão do STF.”

    Eles estão constrangidos de cassar um colega LADRÃO, que nem eles.
    Faz sentido.

  2. Lula ia acabar por conta das denúncias da Lava Jato?

    Ia se esvaziar como candidato quando saiu a sentença de Sérgio Moro, há um ano?

    E seria sepultado quando o TRF-4 a confirmou e ampliou?

    com a prisão em Curitiba tudo estaria terminado?

    Sem um plano B, nem mesmo (poderia) influir no processo eleitoral?

    Passaram-se 100 dias desde seu encarceramento e não há sinal de que as coisas caminhem no sentido que imaginaram seus algozes.

    Muito ao contrário.

    Ele é o personagem central das eleições e o resto do que se discute na campanha eleitoral, além de seu direito (ou não) de ser candidato, são fórmulas para transformar anões eleitorais em personagens com tamanho político para dirigir o país.

    Tudo o mais no noticiário político é insignificante..

    Até mesmo o papel de “antilula” ficou vago.

    Nossa elite colonial é mesmo medíocre e incapaz de olhar nosso país com a visão posta no futuro…

    E mais incapaz ainda de, ao olhar para dentro do país, olhar o povo brasileiro como solução, não como problema.

    https://goo.gl/7C5Eek

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *